Múltiplas abordagens de ‘Despacito’ tendem a exaurir o maior hit de 2017
Múltiplas abordagens de ‘Despacito’ tendem a exaurir o maior hit de 2017

Voz em ascensão no mercado pop sertanejo, o cantor paraense Israel Novaes precisa correr para lançar oficialmente a versão em português de Despacito – a única feita com a autorização do porto-riquenho Luis Fonsi e da panamenha Érika Ender, compositores do reggaeton que ganhou o mundo desde que foi lançado, em janeiro, em gravação feita por Fonsi com o rapper porto-riquenho Daddy Yankee. Fonsi vai participar da versão oficial em português com Israel Novaes.
A questão é que já são tantas as versões e abordagens oficiais e extraoficiais de Despacitoque o reggaeton tende logo a atingir ponto de exaustão no universo pop. Por enquanto, Despacito é o maior sucesso deste ano de 2017 em escala planetária. Tanto que o remixoficial produzido com a adição da voz de Justin Bieber e lançado em abril revigorou o tema e galgou o topo das paradas musicais dos Estados Unidos – proeza rara para músicas composta em espanhol. A última composição em espanhol a alcançar tal feito tinha sido Macarena (Rafael Ruíz Perdigones e Antonio Romero Monge e Carlos de Yarza, 1993), que se tornou um hit mundial, inclusive nos Estados Unidos, entre 1996 e 1997.
O risco corrido pelos novos registros oficiais e extraoficiais de Despacito decorre do fato de que, em plena era digital, as informações e as músicas circulam com tal velocidade na web que Despacito pode logo perder o encanto diante de tantas versões simultâneas. A própria Érika Nender decidiu que vai se promover como cantora com disco cujo destaque será uma gravação mais romântica e lenta do reggaeton. Aliás, Luísa Sonsa também apostou no romantismo em registro que já contabiliza milhões de visualizações.
Como a ordem é faturar com o hit do momento em tempos de crise, Despacito já virou até pagode na cadência descontraída do grupo Molejo. Entre abordagens que levam o reggaeton para a pista (pelo duo de música eletrônica Tritom) e para o universo do arroacha (na voz do cantor Netto Gasparzinho), Despacito dificilmente vai chegar com o mesmo fôlego inicial ao segundo semestre, pelo menos no mercado do Brasil. O que jamais vai tirar da composição de Luis Fonsi e Érika Ender o mérito de ter virado um fenômeno em todo o universo pop.

 

Rádio 92 FM
Endereço: R. Fagundes de Souza, 20 - Santana, Guarapuava - PR, 85070-090
Rádio 92 FM
Telefone:(42) 3623-3479
Whatsapp: 42 99935-0036
SIGA-NOS:
Rádio 92 FM
Rádio 92 FM
Rádio 92 FM